Angola: não devemos permitir que uma só pessoa decida por todos nós. É tempo do Parlamento fiscalizar o Governo angolano – Crédito Malparado do BPC vs. Pobreza e Exclusão Social!

colera

Washington D.C- Rádio Angola Unida (RAU) – 111ª Edição do programa “7 dias de informação em Angola”, apresentado no dia 02/08/2018 por Serafim de Oliveira com análises e comentários de Carlos Lopes:

– BNA coloca 3 Bancos em falência, que terá de ser decretada por um tribunal por via da PGR e o Fundo de Garantia Bancário sem dinheiro, para devolver os depósitos dos clientes daqueles Bancos.

– Mais Eurobonds e Títulos do Tesouro aumentam a dívida do país e a situação de pobreza da maioria dos angolanos não é reduzida.

– A criação da Autoridade Reguladora da Concorrência (ARC) pelo Executivo serve para melhorar a política de concorrência e o ambiente de negócios.

RAU – Rádio Angola Unida – Uma rádio ao serviço dos angolanos, que não têm voz em defesa dos Direitos Humanos e Combate a Corrupção, em prol de um Estado Democrático e de Direito, apostando no Desenvolvimento sustentável e na dignidade do povo soberano de Angola.Os programas da Rádio Angola Unida (RAU) são apresentados e produzidos em Washington D.C. Prof.Kiluangenyc@yahoo.com.

Escute aqui:
http://www.blogtalkradio.com/profkiluangenyc/2019/02/09/angola-crdito-malparado-do-bpc-vs-pobreza-e-excluso-social

Author: angolatransparency

-Impulsionar os cidadãos angolanos a questionarem como o erário público é gerido e terem a capacidade de responsabilizar os seus maus gestores de acordo com os princípios estabelecidos na Constituição da República --Boost the Angolan citizens to question how the public money is managed and have the ability to blame their bad managers in accordance with the principles laid down in the Constitution of the Republic-------------- Prof. N'gola Kiluange (Serafim de Oliveira)

One thought on “Angola: não devemos permitir que uma só pessoa decida por todos nós. É tempo do Parlamento fiscalizar o Governo angolano – Crédito Malparado do BPC vs. Pobreza e Exclusão Social!”

Leave a Reply

Please log in using one of these methods to post your comment:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out /  Change )

Google photo

You are commenting using your Google account. Log Out /  Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out /  Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out /  Change )

Connecting to %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.