Angola: Lei de Imprensa vs. Lei de Silêncio!

62bb962111a1a80426fb672b9bc0d43cAngola: Lei de imprensa vs. Lei de Silêncio!

Por Prof. N’gola Kiluange

Washington D.C – A aprovação da controvérsia Lei de Imprensa pelo Parlamento reflecte o disfuncionalismo das normas de todas nossas estruturas jurídicas, políticas e administrativas.

Até a data da sua anuência, o que era “pretensiosamente” aceite – hoje já é exigido por lei! Ou seja… mudou-se a censura social das salas de redação da imprensa para a sessão tribunal de justiça…

Tal comportamento espelha não só uma ruptura ao “estruturalismo” dos princípios de relações humanas assumidos pelo partido governante, mas também anuncia a sua posição «questionável» quanto à convivência social harmoniosa, que se pretende construir na nossa sociedade!

Toda a classe jornalística ou quem quer que for estará assim interdito (por Lei!) de questionar os padrões de governança do partido no poder e consequentemente a sua gestão do erário público nacional.

Convenhamos também aqui que todos os dados e estatísticas da decisões e soluções contratuais da nossa coisa pública estão sob o controlo absoluto da Casa da Presidência da República!

A aprovação dessa lei vai contra todos os valores e princípios inscritos na nossa Constituição, e constitui uma afronta directa à nossa dignidade moral e cívica!

Ora, se o objectivo primordial for aqui a distribuição equitativa de renda, logo – todo silêncio premeditado à nossa comunicação social é má-fé,crueldade ,indiferença e passividade relativa à penuria dos nossos semelhantes.

A ausência de comunicação social credível engendra especulações, maldições e desavenças…e esse é provavelmente o nosso maior defeito: não sermos capazes de expormos todas nossas apoquentações a sós…

Porque é ilusório criarmos falsas esperanças num sistema adverso aos seus ideais…

Assim, muito antes de pensarmos em eleições gerais,a realização de uma conferência nacional com todas as forças vivas dar-nos-ia mais possibilidades de falarmos abertamente sobre as nossas respestivas preocupações, projetarmos e negociarmos um futuro melhor…

A escolha é nossa!

Prof. N’gola Kiluange ( Serafim de Oliveira)

Prof.kiluangenyc@yahoo.com

Washington D.C

Author: angolatransparency

-Impulsionar os cidadãos angolanos a questionarem como o erário público é gerido e terem a capacidade de responsabilizar os seus maus gestores de acordo com os princípios estabelecidos na Constituição da República --Boost the Angolan citizens to question how the public money is managed and have the ability to blame their bad managers in accordance with the principles laid down in the Constitution of the Republic-------------- Prof. N'gola Kiluange

Leave a Reply

Please log in using one of these methods to post your comment:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out /  Change )

Google photo

You are commenting using your Google account. Log Out /  Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out /  Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out /  Change )

Connecting to %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.