Angola: quando as bruxas se zangam!

Angola: quando as bruxas se zangam!
Por Prof.N’gola Kiluange
Washington D.C – Considerado alinhado tradicional de Israel, o regime de Eduardo dos Santos acabou de apunhalar pelas costas um dos seus protetores no Conselho de Segurança das Nações Unidas.
Benjamin Netanyahu reagiu e mandou cortar todos os negócios israelistas em Angola, enquanto a imprensa do seu país questionava a ocupação ilegal de Cabinda…
Já me imagino aplaudir vivamente numa platéia de cabeçadas entre George Rebelo Chicoti,Joaquim do Espirito Santo,Ismael Abraão Gaspar Martins, Manuel Domingos Augusto, Maria Ângela Teixeira de Alva Sequeira Bragança, Carolina Cerqueira…colorida de insultos e vexames: seu kamundongo domesticado, seu bailundo-baju, seu bakongo-falsificado, ladrão, mandrião,cínico, hipócrita, bastardo…
Bem, mas no final tudo fica entre família porque qualquer um desses indivíduos cometeu graves crimes em nome do partido governante e do Presidente da República.
E o que vai pesar aqui é o nível de segredos que cada um dos quais possui perante o MPLA e o seu chefe, deixando no ar um grande suspense qual parte mais fraca da corda vai rebentar….
Mas, então quem traficava diamantes em nome de José Eduardo dos Santos, quem conhece as verdadeiras artimanhas deste último nas matas, quem serviu de cúmplice do assassinato de Ricardo de Melo, quem pôs ponto final a militância de Maria Ruth Neto dentro do MPLA, quem esconde dinheiro do chefe em nome de terceiros em contas bem escondidas no estrangeiro, quem controla e coordena os Comités de Acção do MPLA no exterior?
E o engraçado em tudo isso é que o Presidente da República para fazer a guerra contra Jonas Malheiro Savimbi contou com o apoio de Lev Avnerovich Leviev (magnata uzbeque-israelense), que orquestrou a compra de armas por diamantes …Arcadi Aleksandrovich Gaydamak (empresário russo-israelense) traficante de armas durante a nossa guerra civil, também mencionado no processo de Angolagate que decorreu em Paris…
Só o futuro poderá mostar-nos como os israelistas poderão vingar-se de José Eduardo dos Santos, começando por apoiar a contestação cabindense e depois revelar aos poucos como o líder do MPLA desfalcou o nosso erário público!
Prof. N’gola Kiluange
Prof.kiluangenyc@yahoo.com
Washington D.C

Author: angolatransparency

-Impulsionar os cidadãos angolanos a questionarem como o erário público é gerido e terem a capacidade de responsabilizar os seus maus gestores de acordo com os princípios estabelecidos na Constituição da República --Boost the Angolan citizens to question how the public money is managed and have the ability to blame their bad managers in accordance with the principles laid down in the Constitution of the Republic-------------- Prof. N'gola Kiluange (Serafim de Oliveira)

One thought on “Angola: quando as bruxas se zangam!”

Leave a Reply

Please log in using one of these methods to post your comment:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out /  Change )

Google photo

You are commenting using your Google account. Log Out /  Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out /  Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out /  Change )

Connecting to %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.