Angola: colaboradores e parceiros da ex-KGB desfalcam nosso erário público

Russia's President Putin and Angola's President Jose Eduardo dos Santos meet for talks in Moscow
Russia’s President Vladimir Putin (R) and Angola’s President Jose Eduardo dos Santos meet for talks in Moscow October 31, 2006. REUTERS/ITAR-TASS/PRESIDENTIAL PRESS SERVICE (RUSSIA) – RTR1IV4M

helderAngola: colaboradores e parceiros da ex-KGB desfalcam nosso erário público

Por Prof. N’gola Kiluange

Washington DC – Quando indivíduos do calibre de Hélder Bataglia dos Santos e Xu Jinghua ( Sam Pa) aparecem no nosso mercado financeiro como executores activos ou passivos – devemo-nos interrogar até que ponto temos a nossa soberania comprometida!

Qualquer um dos dois é delinquente de carreira ou, melhor ainda, criminoso de “colarinho branco” por estar envolvido em prática de actos ilícitos, lesando, principalmente, interesses da sociedade angolana.

Hélder Bataglia dos Santos cresceu no Sul de Angola, cumpriu o serviço militar no exército português colonial… e em 1975, no limiar da nossa Independência, foge para Lisboa… onde passou a dedicar-se aos negócios no Médio Oriente, sobretudo na Argélia, Kuwait, Irão, etc.

Vários anos depois, o Grupo Espírito Santo (GES) atribuí-lhe a responsabilidade de criar a Escom, grupo de comércio e investimento de apoio ao desenvolvimento dos negócios do GES em Angola – segundo a wikipedia.org.

Juntamente com Xu Jinghua, Bataglia enveredou na maior pilhagem dos recursos minerais e erário público de um Estado soberano africano em cumplicidade com dirigentes políticos locais…

O esquisito aqui é a amizade desses dois malfeitores… Hélder Bataglia, ex-militar do exército português colonial, junta seus conhecimentos profundo do território angolano à perícia de Jinghua, ex-chefe da contra-inteligência chinesa em Luanda entre 1985 à 2001 ( com residência alternada entre China e Angola nesse período de tempo).

O mais problemático em tudo isso são as relações amistosas entre José Eduardo dos Santos e Xu Jinghua… forjadas precisamente numa das ex- academias militares da antiga União Soviética nos fins dos anos 60… concretizando assim o rumor segundo qual o actual Presidente da República tera sido “treinado” pela KGB de Leonid Ilitch Brejnev para governar Angola a qualquer preço!?

Aliás, ao aparecer publicamente na inauguração da fábrica de cimento CIF Luanda em 10 de Setembro de 2014 com Jinghua – o Chefe de Estado angolano alimenta ainda mais dúvidas sobre a sua filiação com este chinês mafioso jamais conhecido em toda a história Africana!…

Contudo, é legítimo questionar aqui… como é possível que um de tal Xu Jinghua, que foi também contrabandista de armas durante a nossa guerra civil – hoje gaba-se desdenhosamente de seus bens imóveis em Angola avaliados em mais de $36 bilhões de doláres… é aparentemente também o proprietário da China Sonangol Internacional, Endiama China International Holding Limited, Sonangol Asia Ltd,Singapore, etc.

Ao que parece… os ex-estudantes da União Soviética ou, melhor ainda, colaboradores e parceiros financeiros da antiga KGB são hoje os “super tubarões” que desfalcam impiedosamente o nosso erário público sem dó nem piedade – como os têm feito os srs. José Eduardo dos Santos (Presidente da República), Eugénio Neto “Geny” (vice-presidente da Escom), Francisco Lemos Maria (PCA da Sonangol), Xu Jinghua (Fundo Internacional da China [CIF]), Manuel Domingos Vicente ( Vice-Presidente de Angola), Manuel Hélder Vieira Dias Júnior “Kopelipa” (Ministro de estado e Chefe da Casa Militar), Isabel dos Santos ( empresária angolana), Hélder Bataglia dos Santos (fundador e presidente do Grupo Escom), Lev Avnerovich Leviev (bucariano-israelense empresário bilionário), Pierre Falcone ( Presidente do Pierson Capital Group), General Leopoldino Fragoso do Nascimento ( líder da empresa Cochan),etc.

Assim, o sr. Presidente da República tem a obrigação moral de tornar público a data de início das transações e a percentagem que o Estado Angolano detem nas acções da China Sonangol Internacional, Endiama China International Holding Limited, Sonangol Asia Ltd,Singapore, etc., o verdadeiro montante e local de investimentos das nossas reservas internacionais, declaração da proveniência dos seus Bens e Direitos,etc.

Referência bibliográfica : Hélder Bataglia dos Santos – Wikipédia, a enciclopédia livre

http://pt.wikipedia.org/wiki/H%C3%A9lder_Bataglia_dos_Santos

Prof.N’gola Kiluange ( Serafim de Oliveira)

Prof.Kiluangenyc@yahoo.com

Washington DC

 

Author: angolatransparency

-Impulsionar os cidadãos angolanos a questionarem como o erário público é gerido e terem a capacidade de responsabilizar os seus maus gestores de acordo com os princípios estabelecidos na Constituição da República --Boost the Angolan citizens to question how the public money is managed and have the ability to blame their bad managers in accordance with the principles laid down in the Constitution of the Republic-------------- Prof. N'gola Kiluange (Serafim de Oliveira)

Leave a Reply

Please log in using one of these methods to post your comment:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out /  Change )

Google photo

You are commenting using your Google account. Log Out /  Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out /  Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out /  Change )

Connecting to %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.